Make-up like a diva, por Amanda Lepore
Belezinha

Make-up like a diva, por Amanda Lepore

por Vânia Goy

Amanda Lepore é daquelas divas absurdas que eu sempre via nos retratos (também absurdos!) do David LaChapelle. Há algumas semanas a americana se materializou aqui no Brasil e, um pouco antes de sua apresentação no Club Yacht, em São Paulo, batemos um papo sobre beleza. Amanda contou que em determinado momento da sua transição de gênero decidiu que não queria parecer como as meninas que estavam ao seu redor. Ela queria ser uma estrela de cinema como as divas dos 40´s e 50´s. “Minhas referências sempre foram bombshells loiríssimas e com seios enormes como Marilyn Monroe, Jean Harlow e Jayne Mansfield. Também sempre mantive os olhos nas pin-ups americanas e na Jessica Rabbit”, disse.

Sim, ela parece uma dessas personagens curvilíneas que deslizam sobre um piano antigo e falam com a voz aveludada . Uma de suas marcas-registradas é a cintura finíssima e os seios gigantes. Além das próteses, ela conta que teve uma costela quebrada e recolocada para conseguir fazer a cintura impressionante. “Definitivamente amo ter a cintura fina. E há formas mais simples e menos doloridas que deixá-la mais marcadas: meia hora antes de fazer a minha maquiagem coloco uma cinta modeladora e sinto que ela fica melhor desenhada quando me visto. Em geral, gosto de manter essa região comprimida por um cinto ao longo do dia e adoro corsets, sempre muito eficientes.”

Outra assinatura é o cabelo platinado, que faz parte do seu look desde os 14 anos, e a boca enorme e vermelha, devidamente construída com um passo-a-passo profissional. “Gosto de fazer muitas camadas de produtos”, diz. O primeiro passo é delinear os lábios com um lápis vermelho, cobrir o desenho com um lipstein de longa duração e à prova d´água, aplicar o batom vermelho e finalizar uma camada de gloss. “Garanto que dura muito tempo!”. Entre os favoritos de Amanda: o lipliner Cherry, da M.A.C, e o gloss Little Red Dress, da Dior. “Ele foi descontinuado e eu fiquei um pouco nervosa com essa notícia porque não há nada fabuloso como ele para deixar a boca volumosa. Encontrei alguns exemplares na Itália e fiz um estoque!”, contou, rindo.

Última dica para pobres mortais que querem sair com a pele perfeita em fotos noturnas: manter um potinho de corretivo Kevin Aucoin à mão (“ele fotografa perfeitamente, nunca parece pesado, não importa a quantidade que você tenha usado”), borrifar um spray facial depois de fazer o make e jamais esquecer o iluminador. Reza a lenda que Amanda aplica o produto nos mesmos lugares que Marilyn usava: no ossinho do nariz e ao redor da linha do cabelo, para deixar o rosto com o formato de coração.

Posts Relacionados